Envie sua redação para correção
    Dentro das escolas, há projetos, como o PROERD, que visam o não uso de drogas e a tentativa de fazer com que os adolescentes nem pensem nessa possibilidade. Entretanto, o álcool, por exemplo, não é tratado com a mesma intensidade, visto que esse também causa graves problemas. A diferença que se dá entre as duas substâncias, que uma, por ainda não ter sido legalizada, não pode ser taxada, já a outra, rende significativas quantidades de lucros para o governo. Dessa forma, uma vez que as drogas - inclui-se as lícitas - não são abordadas com o mesmo peso, fica claro perceber que a política antidrogas brasileira não é eficaz. A biologia explica cada reação que ocorre no corpo com a ingestão de tóxicos, como a morte de neurônios, a alteração de humor e o quanto elas confundem nossos sentidos. Com vista nessas informações, torna-se possível entender a importância de conhecer as substâncias, saber o que elas causam e como se administra, é fundamental para ter controle real sobre seu consumo. Pois como diz o ditado, a diferença entre o veneno e o remédio, é a dosagem. Ademais, pode-se ter também como exemplo a farmácia - já chamada de drogaria - e os traficantes, onde a grosso modo, o que os difere é que um é controlado por órgãos regulamentadores e o outro não. Significando portanto, que se a política adotada até então não surtiu o efeito esperado, deve-se adotar uma nova perspectiva, pois como Durkheim explicava, para haver mudanças na sociedade, deve-se fornecer ao homem novas ideias e maneiras de pensar. Tendo em vista os fatos supracitados, é essencial que haja uma mudança Legislativa, que legalize as drogas sim, a modo de poder finalmente controlá-las e tributá-las, assim como é feito com as que já são lícitas. Usar do poder do conhecimento, através de programas de ensino dentro da escola, onde seja possibilitado ao adolescente ter um contato mais próximo para conhecer e compreender as consequências reais do uso de tóxicos e saber respeitar limites. Aumentando assim, a eficiência de uma política antidrogas desse país de encantos mil.