A eficiência da política antidrogas brasileira

Envie sua redação para correção
    Na série " Narcos ", que aborda a vida de Pablo Escobar e comércio de drogas, é exposto um cenário calamitoso que narcóticos podem promover na sociedade. Porém, fora das linhas televisivas o contexto é o mesmo, na qual violência, mortes e insegurança são apenas alguns dos nocivos reflexos que as drogas proporcionam para a população. Conjuntura esta que bota em cheque o bem estar social, deixando claro o anseio por mudanças.
       Em primeiro lugar, é valido analisar a aplicação da lei da oferta e da procura de Adam Smith associada a as drogas na sociedade. Tal teoria, se confirma ao observar o elevado índice de substâncias psicoativas que são apreendidas, fato este,, que se de ao crescente números de pessoas que buscam por drogas mediante várias razões, entre eles; a infelicidade, decadência profissional, ou até mesmo, elevar a taxa cognitiva. Tais indivíduos, enxergam nas drogas um meio de fugir ou melhorar a situação que se encontra. Entretanto, este modo de pensar e agir acorrenta o ser a um estado de dependência deplorável, inviabilizando o ideal de super-homem de Nietzsche.
       Outro ponto que deve ser examinado, é a posição brasileira mediante a batalha contra narcóticos. Postura esta, que sofre influências norte-americana que trata a questão das drogas coo caso de polícia e não como um fato social, contrapondo-se ao posicionamento da diretora-geral da OMS( Organização  mundial de saúde ), Margaret  Chan, na qual defende que o consumo de drogas deve ser visto como um caso de saúde pública, e não somente como um ato criminoso. Devendo portanto, as autoridades tratarem de maneira holística o problema das drogas, além de reafirmar direitos expostos na magna carta.
       Diante disto, percebe-se que a questão das drogas, tornou-se uma " falha" social que precisa de reparo. Deste modo, o Ministério da Saúde em conjunto com escolas de medicina e psicologia podem promover ação de atendimento e acompanhamento de usuários de drogas, por meio da atuação desses profissionais nas unidades de atenção básica, afim de reforçar o tratamento e restabelecimento do indivíduo de forma integra. Ainda assim, o Ministério da justiça em parceria com as forças armadas devem intensificar medidas de controle e combate de substâncias ilícitas em circulação, por via do aumento de vigilância nas fronteiras buscando combater a pratica do narcotráfico, além disso, deve-se ampliar instalações de unidades de polícia em áreas ditas de risco, visando o controle da violência de oriunda da circulação de drogas. Só assim, poderá se pensar em uma luta efetiva contra esse mal social