Envie sua redação para correção
    No Brasil, de acordo com a pesquisa realizada pelas jornalistas Juliana de Faria e Karen Kueck, afirmou que 85% das mulheres já tiveram seu corpo tocado sem permissão. Diariamente, são explícitos um grande percentual de notícias neste caso.
    
    Entretanto, milhares de mulheres sofreram abusos sexuais. A ONU ressalta que a violência contra as mulheres não está confinado a uma cultura, uma região ou um país específico, ou seja, a violência decorre da discriminação persistente contra o sexo feminino.
    
    No entanto, a grande falta de respeito para com as mulheres impostas pela sociedade machista, onde homens sentem-se poderosos para possuir um corpo sem consentimento da pessoa. A maioria das vítimas são pressionadas, e por isto não fazem a denúncia.
    
    Atualmente, a média mundial de mulheres entre 15 á 44 anos dizem ter sido abusadas sexualmente por alguém que não é seu parceiro é de 7,2%. 
    
    Portanto, medidas são necessárias para resolver o impasse. Tais como, o ministério da justiça em parceria com a mídia aderir leis e palestras para a conscientização da população de que fazer a denúncia é fundamental. De acordo com o sociólogo Confúcio, saber o que é certo e não fazer é falta de coragem.