Envie sua redação para correção
    Após o começo da luta das mulheres por direitos, e igualdades, sua confiança para se falar, se expressar passou a ser levada em conta... Entre elas o combate ao assédio; pois não é de hoje que a mulher vem sendo vista por alguns apenas como um "objeto sexual". 
     Desde os primórdios da humanidade, e, recentemente, à mulher é enxergada como submissa, algo que se é "usado", como por exemplo: os senhores de fazendas durante a colonização, assediavam e estrupavão  suas escravas para se ter prazer em algo tão importuno.
      Esse termo assédio não é estranho para as mulheres e a anos vem sofrendo com esse mal. A vítima que passa por isso, normalmente se sente intimidada pelo agente, com medo de vir a ser agredida fisicamente se caso revidar. Com isso, alguns homens acham que podem fazer xingamentos e cantadas ofensivas. Tem-se hoje em dia, leis que condenam este tipo de atitude, porém  não é de total eficacia... Sendo que em alguns casos, os acusados são presos, e, logo liberados com ou sem pagamento de fiança.
      Diante dos argumentos supracitados, é dever do governo concretizar e colocar em pratica as leis que são criadas para combater quaisquer tipos de assédio sexual. Campanhas que informem  o quanto isso pode vir a traumatizar uma vítima; além da própria conscientização dada em casa e na escola aos jovens. Pois vivemos em um mundo, em que certas atitudes nos passam despercebidas e consequentemente não iram trazer resultados bons no futuro.