A contribuição dos avanços da medicina no tratamento de doenças

Envie sua redação para correção
    A medicina, há muito tempo é de interesse do homem; a antiga sociedade egípcia foi uma das primeiras a estudar o corpo humano e tentar entender seu funcionamento. Tal ciência evoluiu ao longo da história, desde a descoberta da Penicilina, a invenção das vacinas, até o controle endócrino, os avanços são frequentes e hoje, aliada a tecnologia, a medicina contribuí para a prevenção e tratamento de doenças.
          A Penicilina foi o primeiro antibiótico a ser descoberto, sendo considerada um dos maiores avanços medicinais do século XX; o medicamento a base do fungo /penicillium sp./ se mostrou eficaz no tratamento de diversas infecções bacterianas. Hoje o avanço científico tecnológico permitiu a expansão do campo de pesquisa, um novo membro do reino fungi foi encontrado recentemente no topo do Himalaia, nomeado /aikassimba/, tal fungo mostrou-se eficiente na cura do câncer e da asma, embora extremamente raro.
          Outra grande contribuição da tecnologia na área das ciências médicas faz referencia ao controle endócrino. Graças a essa ação conjunta os portadores de diabetes tem a possibilidade de controlar a doença e manter um qualidade de vida satisfatória. Como explica o presidente-executivo da ABIMED: "A tecnologia é um elemento de sustentabilidade de toda cadeia, porque gera maior eficiência no atendimento e redução de custos, além de ser vetor de desenvolvimento econômico". Segundo ele existem mais de 500 mil tenologias médicas diferentes em uso, de exames laboratoriais ao tratamento de vários tipos de câncer.
           Em suma, as contribuições dos avanços da medicina no tratamento de doenças são muitos; e para que continuem ocorrendo são necessários maiores investimentos nas áreas que ligam a medicina à tecnologia: engenharia biomédica, biotecnologia e pesquisa. Para que assim ciência e tecnologia aliadas tragam melhor qualidade de vida para a população.