A educação como solução ressocialização de detentos: utopia ou realidade?

Envie sua redação para correção
    Desde o Iluminismo, entende - se que as mudanças sociais advêm através de mobilizações sociais. Por exemplo, no histórico da humanidade há registro de diversas revoluções populares com intuito em melhorar a qualidade de vida das pessoas. Hordienamente, no Brasil a sociedade têm se mantido em silêncio, não obstante devido à ausência de conhecimento.
          É indubitável que umas das causas dessa problemática intrínseca no país seja a ausência da solidificação  da constituição brasileira. Conforme Aristóteles, a política é o meio de justiça, a fim de promover o equilíbrio e a segurança da sociedade, ou seja a ordem  da nação é provida pela eficiência legislativa, que infelizmente não é o cenário atual brasileiro.
           De acordo com Oscar Wilder, " A insatisfação é o primeiro passo para o progresso de uma nação e de um homem".Logo, os desejos e frustações estão relacionados ao tamanho do conhecimento individual, então, se os indivíduos são retirados das fontes educacionais, certamente os parâmetros de qualidade em relação a vida estarão desnivelados.
        Destarte, então o sistema prisional, no qual  recebe milhares de detentos diariamente que possuem o mínimo de conhecimento.Sendo assim, oferecer a estes a ressocialização seria muito útil,pois, apresentar um mundo totalmente diferente e novas possibilidades permite recomeçar uma nova vida.Entretanto, é apenas um sonho, porque no Brasil a deficiência na educação inicia nas escolas que estão de portas abertas, entre muros ainda é uma realidade distante do País.
        Portanto, a solidificação e aplicação da constituição brasileira resolveria  este problema.Porque melhorando a qualidade da educação oferecida pelo governo  permitirá a evolução da população, pois, todos terão conhecimento de seus direitos e dessa maneira as vozes dos brasileiros serão ouvidas em cada rua, em cada beco, em cada esquina. Decerto, que este projeto de fidelização da legislação,  deverá  ser de responsabilidade do Ministério da Justiça e do Poder Executivo, promovendo o cumprimento da lei que diz que todos os " Brasileiros têm direito na educação ".