A importância da cultura popular na construção e na valorização da história brasileira

Envie sua redação para correção
    O pensador e filósofo chinês Confúcio afirmava que "A cultura está acima da diferença da condição social." Analisando o pensamento e relacionando-o à realidade brasileira, percebe-se a necessidade da valorização da cultura popular na construção e valorização da história do Brasil, considerando sua importância para a construção de uma sociedade mais crítica e reflexiva. 
    Primeiramente, convém ressaltar que a cultura brasileira é resultado do processo de miscigenação com índios, povos africanos, italianos, europeus e asiáticos. Dessa maneira, a mistura de raças, padrões de comportamento e linguagens diferentes, derivou à cultura popular que, infelizmente, é pouco valorizada e reconhecida. Por outro lado, a chamada "indústria cultural", ligada a meios de comunicação de massa e com o intuito de gerar lucro, se baseia na padronização e na produção em série, como mostra o cineasta Charles Chaplin em seu filme "Tempos Modernos". 
    Além do mais, o conhecimento da história brasileira é um fator importante para que os mesmo erros do passado não se repitam, como foi a ditadura militar, que gerou anos de censura e repressão, impedindo o livre arbítrio da população, seja por forma de música ou literária, como mostra o cantor Chico Buarque na canção "Apesar de você". 
    Portanto, para maior valorização da cultura brasileira, faz-se necessário viabilizar melhor reconhecimento sobre o assunto. Para isso, o Ministério da Educação deve implementar campanhas e palestras socioeducativas em escolas, a fim de proporcionar conhecimento à crianças e adolescentes sobre a importância da cultura popular. Em segundo plano, a participação da mídia é imprescindível para promover a diferença e mostrar que é fundamental conhecer, respeitar e valorizar as manifestações culturais construídas ao longo dos anos no país. Posto isso, a sociedade se torna mais acolhedora e nativa.