A importância da cultura popular na construção e na valorização da história brasileira

Envie sua redação para correção
    Um incentivo ao patriotismo
           Música. Dança. Gastronomia. Religião. Literatura. Os elementos da cultura popular brasileira são tanto fruto quanto resultado de uma miscigenação de povos, cada qual oriundo de uma parte do mundo, índios, africanos, europeus e asiáticos trazendo sua contribuição para a formação da identidade própria do Brasil. Porém, será que toda essa diversidade presente nesse vasto território é valorizada? Comumente vê-se manifestações de desprezo e desvalorização a elementos que não são compreendidos pelo manifestante: um crença religioso; Ideologia política; Ideologia cultural; Entre outras, principalmente quanto se trata de hábitos diferentes dos utilizados pela maior parcela da população. 
          Foram diversos os acontecimentos históricos que possibilitaram esta mistura de povos no Brasil: Expansão do mercantilismo e consequente Grandes Navegações pelo oceano atlântico; Exploração dos recursos, enquanto colonia portuguesa, e consequente vinda de mão de obra africana (escrava); Bem como acontecimentos historicamente recentes: Industrias automobilísticas instaladas durante o governo de Juscelino Kubistschek na década de 60; Guerra na Síria; Conflitos civis em Jerusalém. Estes vem acrescento o número de imigrantes que visam uma melhor qualidade de vida, uma vez que o Brasil possui políticas mais simples (quando comparadas a outros países) para entrada de estrangeiros, e aqueles trouxeram uma colonização diversificada. 
            Analisar o passado é imprescindível para reconhecer o futuro. Segundo Roberto Damata, colunista do jornal Oglobo, "Para se virar uma página por completo necessita-se de uma releitura". Ou seja, para valorizar a mistura cultural brasileira se faz necessária a análise histórica dos fatos que permitiram a formação do cenário atual. Ademais, para que haja uma identificação cultural entre os povos e uma ampliação da visão acerca dos elementos culturais distintos, se faz necessário o reconhecimento da origem de tais aspectos e da ideologia por trás destas manifestações, permitindo uma possível identificação popular com tais valores. 
           A formação da identidade cultural brasileira é resultado de uma mistura de povos, logo, se não haver um reconhecimento de tais aspecto não haverá valorização da cultura, da nação. Sendo assim, se fazem necessários investimentos, tanto do Estado quanto de entidades privadas e ONG'S', em mecanismos que disseminem a valorização e entendimento da nossa cultura: Propagandas midiáticas; Eventos (palestras, debates...); E até mesmo inserção desta temática em âmbito acadêmico, como forma de valorização da nossa nacionalidade, incentivo ao patriotismo, que comedido trará benefícios.