A importância do movimento feminista na luta pelos direitos das mulheres

Envie sua redação para correção
    No Brasil, durante o período imperial houve a primeira conquista feminina, quando passou a ter direito à educação e houve a fundação da primeira instituição de ensino para meninas. Embora com o passar dos anos tenha havido muitas mudanças, ainda hoje permanece enraizado na sociedade um sentimento de inferioridade em relação ao sexo feminino. Assim, devido à injustiça com que mulheres são tratadas há séculos, surgiu o movimento feminista com objetivo de igualar os direitos femininos aos masculinos, bem como garantir às mulheres melhor qualidade de vida.
      Diante de tamanha desigualdade, o sexo feminino é o principal alvo de violência no Brasil onde 13 mulheres são assassinadas por dia, segundo o Sistema de Informações Sobre Mortalidade. Além disso possuem menores salários (30% a menos) mesmo se tratando dos mesmos cargos ocupados por homens e alto índice de abuso sexual, desmoralização física e intelectual. Por isso, ao longo dos anos o feminismo vem evidenciando progressivamente a sua importância para a evolução social, cada vez mais forte manisfesta a favor da igualdade de gêneros e empoderamento feminino. Mesmo apresentando números crescentes, em relação ao século XIX, da participação feminina no mercado de trabalho ou em outras esferas sociais, ainda é muito inferior relacionada à participação masculina. Além disso, os casos de discriminação e violência são comuns, revelando os fortes traços machistas existentes em nossa sociedade nos dias de hoje.
       Embora haja no Brasil uma série de leis que beneficiam as mulheres, - conquistadas a partir de lutas sociais - essas não tem cumprimento efetivo, tornado gradativamente mais distante o desejo de justiça, equidade e empoderamento feminino. Apesar de estar ganhando mais manifestantes, tanto mulheres quanto homens, principalmente através da difusão de seus ideais nas redes sociais, ainda enfrenta uma série de empecilhos, mediante a alienação de um país ainda com padrões patriarcais. Dessa forma, o movimento feminista, em si, atua para que a sociedade seja reconstruída pouco a pouco sem a discriminação de gêneros, permitindo a todos e todas o que lhe é assegurado na Constituição Federal: igualdade perante à lei, direito à vida, liberdade, segurança e propriedade.
      Com o fito de manifestar e difundir a importância do feminismo é necessário o apoio do Estado às manifestações sociais executadas pelo movimento, portanto, a criação de uma agencia governamental atuando na supervisão do cumprimento das leis específicas às mulheres, visto que ainda há muitas falhas relacionadas tanto à efetividade quanto à confiança social em realizar uma denúncia, pelo receio de não haver nenhuma providência, para que assim, aos poucos seja garantido os direitos conquistados pelas mulheres através de sua histórica e constante luta.