A importância do movimento feminista na luta pelos direitos das mulheres

Envie sua redação para correção
    Promulgada pela ONU em 1948,  a Declaração Universal dos Direitos Humanos visa generalizar a todo cidadão o direito a liberdade e ao bem-estar. Apesar disso, ainda hoje as mulheres sofrem demasiadamente para exercerem seus benefícios sociais no mundo contemporâneo. Assim, é possível perceber que o movimento feminista é de suma importância à utilização dos direitos desse gênero no Brasil. Nesse sentido, convém discutir os principais desafios enfrentados por grupo no país. 
        Sob esse viés, pode-se apontar, como um problema as feministas, o aumento de ideais  machistas na nação, visto que muitos homens ainda acreditam em valores de superioridade frente as mulheres, desvalorizando todas as suas conquistas femininas a longo dos anos, ocasionando desigualdades que vão desde o tratamento na sala de aula, até as distintas variações salarias de gêneros diferentes em funções iguais. Ademais, conforme portal G1, 37% das mulheres afirmam receber menos do que os homens em seus trabalhos. Logo, é inaceitável que mesmo pagando altos impostos, essa parcela da população continue sendo negligenciada pelo Governo .
          Além disso, a falta de reconhecimento da juventude moderna, frente a luta feminina, resulta em grandes dificuldades para essas mulheres , tendo em vista que proporciona terreno fértil para o descaso com o real cumprimento dos direitos femininos. Ainda, conforme defendia a feminista Simone Bouvoir, a essência do ser é construída através de suas escolhas, ou seja, o esquecimento dos históricos movimentos por essa juventude, permitiria o retorno de uma sociedade que taxava como ''função da mulher'' ser dona de casa. Por isso, é imprescindível que a mocidade seja motivada a conhecer as lutas e conquistas do grupo feminista.
           Infere-se, portanto, que o Órgão Legislativo, por meio do Ministério da Justiça e Cidadania, utilizando parte do imposto público, crie uma lei que proíba a distinção salarial entre ambos os sexos, quando esses ocupam a mesma função, sob pena de multa e fechamento das corporações que infringirem essa norma. Espera-se, com isso, tornar efetivo a promulgação da ONU para qualquer pessoa de forma igualitária.