A importância do movimento feminista na luta pelos direitos das mulheres

Envie sua redação para correção
    A pugna imprescindível 
    
    
     O feminismo é um movimento político-social que, preconiza o aprimoramento e a ampliação do papel e dos direitos das mulheres na sociedade. Mas muitos discordam dessa ação, dizem que feministas, "reclamam de barriga cheia", ou estão vendo problemas inexistentes.  
       Realmente não tem como essa pessoa ser, ou mesmo simpatizar com o feminismo, uma vez que, a corrente ideológica luta com rigor para combater uma situação de opressão. A manifestação traz em sua trajetória grandes e várias conquistas, incluindo o direito à autonomia e igualdade perante a lei, mas a briga ainda segue, e não faltam pautas, como igualdade salarial e outras questões de machismo estrutural. 
       De acordo com o SIM, 13 mulheres são assassinadas por dia no Brasil. A prática feminista, está no sentido de transformar essa realidade, nenhuma mulher necessariamente precisa pertencer a um movimento organizado para se dizer feminista. O importante é que ela tenha consciência da sua opressão, e tome ações ali no seu microcosmo para contribuir na jornada por libertação. 
       Considerar que, o termo "surgiu" a partir das chamadas ondas feministas, é errôneo, porque no passado, tivemos mulheres maravilhosas e revolucionárias realizando obras que foram percursoras de muitos progressos ao longo das décadas. Dessa forma, para seguir rumo à vitória feminina, a população, de todas as faixas etárias, e ambos os sexos, necessita de um programa social chamado, Futuro sem preconceito, patrocinado pelo Governo em todas as cidades do Brasil, exercido no 4° dia útil da semana, em algum espaço público, com participação de vozes representantes do assunto, com propósito de disseminar conhecimentos avançados, umas às outras, e extrair essa "cultura" antiga, estabelecida patriarcal.