A importância do movimento feminista na luta pelos direitos das mulheres

Envie sua redação para correção
    Igualdade entre gêneros: um futuro ainda distante
    
                Feminismo é um conjunto de movimentos políticos, sociais, ideológicos e filosóficos que visam os direitos equânimes por meio do empoderamento feminino e consequentemente a libertação da ideologia patriarcal. Assim como na conquista do direito ao voto, o feminismo tem papel fundamental na luta por salários iguais e no combate a violência contra a mulher, por exemplo.
                Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em cargos de liderança, as mulheres recebem 47% a menos. Apesar de haver mulheres ocupando cargos de direção já ser uma conquista feminista, a desigualdade salarial ainda perdura, fruto de uma herança machista, onde muitos ainda defendem a necessidade feminina de dividir seu tempo e energia entre as atividades domésticas e laborais, comprometendo a produtividade.
                Além da desigualdade salarial, as mulheres ainda continuam sendo vítimas de violência psicológica e física. No Brasil, pode-se citar a lei Maria da Penha como conquista feminista, bem como uma lei mais recente que classifica o feminicídio como homicídio e crime hediondo, sancionada no ano de 2015. Apesar disso, segundo dados do IPEA, uma mulher é assassinada a cada 90 minutos, evidenciando o fato de que ainda há um longo caminho até atingir-se o ideal.
                Em virtude dos fatos apresentados, é imprescindível que seja criado um projeto subsidiado pelo Governo Federal, com o intuito de disseminar o conceito de feminismo e ressaltar sua importância na luta pela equidade de direitos, atuando na esfera educacional, visando desconstruir a cultura do machismo, contando com a participação de ativistas e especialistas no tema, além do enrijecimento das penas referentes aos crimes contra a mulher, a fim de erradicar índices como aquele divulgado pelo IPEA.