Envie sua redação para correção
    Na Grécia antiga, as mulheres eram vistas apenas como objeto reprodutor e não possuíam direito a cidadania. Diante de uma sociedade com raízes patriarcais, e que ainda enfrenta esta problemática, o movimento feminista na luta pelos direitos das mulheres se mostra relevante, visto que, esses movimentos buscam por direitos equânimes através do empoderamento feminino. 
     Em primeiro plano, vale ressaltar, que o feminismo tem como objetivo principal acabar com as desigualdades entre os gêneros, se livrar das normas impostas somente para as mulheres. Desde a década de 60, as mulheres influenciadas por outros movimentos da época como o Movimento Hippie, buscavam respeito, reconhecimento de equivalência entre os sexos e não de superioridade. Vale salientar, que diante desses movimentos e de outras revoltas femininas às mulheres tiveram diversas conquistas, contudo na atualidade ainda sim, existem casos de desigualdade entre os gêneros. 
      Vale ressaltar também, que diante de uma sociedade patriarcal o homem mantém o poder primário e predomina nas funções de liderança, fazendo que as mulheres sejam submetidas à eles. Por certo isso fez com que esses valores estivessem sido evidenciados na época e na atualidade ainda não foram extintos completamente.  Conforme à isso foi preciso que houvesse muitas revoluções e muita luta para que direitos que para os gênero masculino eram considerados básicos, fizessem parte também da vida das mulheres, tendo em vista isso ocorreu o Movimento Sufragista, em que as mulheres inglesas pediam participação nas eleições. 
       Portanto, sendo o movimento feminista de grande relevância na luta pelos direitos das mulheres, cabe à Câmara dos deputados e ao poder judiciário que instituam leis que assegure o a igualdade entre os gêneros, no âmbito trabalhista e em outras áreas. Cabe também aos órgãos legisladores que garanta a integridade física e moral das mulheres através de leis como a Maria da penha para que diminua o índice de violência contra as mulheres. Cabe ainda as famílias que evidencia para seus filhos que todos são iguais, e que incentivem ás meninas a terem uma boa educação e adquirirem uma boa profissão. Caso contrário a problemática se manterá, o que não se deseja.