A importância do movimento feminista na luta pelos direitos das mulheres

Envie sua redação para correção
    Os movimentos feministas destacam-se como sendo uma das mais tardias e importantes mobilizações sociais para transformação cultural dos séculos XX e XXI. Inicialmente marcadas por ações individuais fortemente reprimidas, a partir dos anos 70, as manifestações feministas ganharam destaque global e seus adeptos passaram a lançar luz sobre discussões de temas relacionados ao combate à violência e ao preconceito contra a mulher.
      Como consequência dessa importante transformação, as mulheres, ainda que lentamente, vêm conquistando seu justo espaço dentro da sociedade. Nesse sentido, pode-se destacar a presença feminina na presidência do Supremo Tribunal Federal, Ministra Carmen Lúcia, na Procuradoria Geral da República, Procuradora Raquel Dodge e mesmo da ex-Presidente da República, Dilma Roussef. Todavia, esses avanços ainda não refletem uma realidade nacional. Na maior parte do país, permanecem altos os índices de violência e discriminação contra a mulher.
      Essa luta pela igualdade feminina encontra resistência em sólidas bases culturais que, historicamente, renegaram à mulher uma papel secundário na sociedade. Além disso, em uma sociedade tradicionalmente machista, a violência contra a mulher e os discursos misóginos são tratados com naturalidade, dificultando ainda mais a conquista de espaços igualitários. Por esse motivo, os movimentos feministas exercem um importante papel de conscientização e protesto na busca por direitos e condições de igualdade para a mulher em todas as esferas da sociedade.
      Portanto, em apoios à legalidade dos movimento feministas, a sociedade brasileira precisa exercer o seu papel de defesa dos direitos da mulher, denunciando os casos de violência e discriminação, contribuindo, assim, para o combate à cultura machista no país. Ainda, a mídia deveria realizar campanhas nacionais de combate à diferenciação social entre homens e mulheres, como, por exemplo, da prática de descontos em ingressos, a fim de extinguir a ideia de normalidade na discriminação de gêneros.