A mobilidade urbana no Brasil

Envie sua redação para correção
    Lentidão ,improdutividade ,poluição sonora e ambiental ,são os empecilhos , que desafiam os cidadãos nos centros urbanos no Brasil.De certo uma falha no setor público , que resulta em impactos sociais , econômicos e ambientais .
      Em uma primeira análise , nota-se que no período dos anos dois mil a dois mil e doze , o percentual no brasil do crescimento demográfico foi de doze por cento e o de aumento do número de veículos foi de cento e trinta e oito por cento ,dessa forma era indispensável a previsão por parte  do governo federal da necessidade de novas politicas de mobilidade urbana , no entanto não houve essas previsões e o investimento devido , resultando em problemas econômicos e sociais .
      Outro aspecto a ser abordado , e a falta de estrutura e segurança nas ruas , para o uso de transportes alternativos , visto que essa infraestrutura e quase nula, as pessoas optam por usar transportes com menos mobilidade, mas que oferecem  mais segurança.Os danos gerados pelos problemas do trânsito como o estresse , cansaço e a improdutividade ,que afetam de forma negativa a vida de milhões de brasileiros pois com menos produtividade devido ao cansaço dos funcionários  e perca ou atrasos  de cargas ocasionam em  menos lucro ao grande e médio empreendedor , que são impossibilitados de gerar novos empregos . 
      Em virtude dos fatos mencionados ,é necessário que o governo federal por intermédio do ministério da infraestrutura , com o dinheiro arrecado de privatizações de algumas estatais , direcionem esse dinheiro para investimento em , ciclofaixas , ciclovias, iluminação pública e um maior sistema de vigilancia , fornecendo um maior incentivo a população a utilizar veículos alternativos  e com mais mobilidade .