A necessidade de debater as doenças mentais

Envie sua redação para correção
    Em primeiro lugar, as pessoas devem dar mais importância e atenção para um assunto delicado e importante como este. As doenças mentais foram por muitos anos vistas como algo perigoso. 
    Nos séculos XV e XVI, as pessoas com doenças mentais eram consideradas uma ameaça a sociedade por serem agressivas, em manicômios, elas eram amarradas por profissionais que perdiam o controle do paciente e assim muitos morriam. 
    Houve uma revolta por parte dos profissionais que eram contra os maus tratos com estes pacientes, esse marco ficou conhecido como movimento dos trabalhadores da saúde mental. 
    Hoje em dia, os hospitais especializados são mais preparados e sabem lidar com estes pacientes, porém nem todos sabem onde encontrar ajuda. Depressão, distúrbio de ansiedade, distúrbio do pânico, transtorno bipolar, esquizofrenia e todas as outras devem ser tratadas com muita seriedade. Todos devem ter essa ciência. 
    O melhor a se fazer para que as pessoas tenham o devido conhecimento, são campanhas, comerciais transmitidos pelos canais na televisão, ações conscientizadoras e palestras. As pessoas devem saber quem procurar, onde procurar, como melhorar, como ajudar a si mesmo ou alguém próximo. 
    As escolas devem se preocupar mais com esse assunto, muitos jovens sofrem de depressão e precisam saber que podem contar com amigos, familiares e até mesmo com os profissionais da sua escola.