A presença do sensacionalismo no jornalismo brasileiro.

Envie sua redação para correção
    Pode-se dizer que o jornalismo se originou no ano 59 a.C pelo Imperador Júlio César em virtude da criação da Acta Diruna, uma espécie de jornal o qual informava a população sobre conquistas militares, política e ciência. Desde então, o jornalismo perdurou com o mesmo objetivo de levar a informação para os cidadãos, embora haja a onda do sensacionalismo como uma tendência mundial, o que requer uma mudança de todos. 
        Inicialmente, é fato que os principais precursores do sensacionalismo midiático compreende não só a busca incessante por atenção, "status'' pela fama ou dinheiro a qualquer custo como também o caráter da população como massa de manipulação atrelado à Indústria Cultural. Sendo assim, a alienação social vigente torna mais fácil sustentar a ganância de oportunistas que propagam manchetes exageradas ou até falsas para obterem lucro. Ademais,  Indústria Cultural designa o modo de produzir cultura com a mesma lógica de produção industrial e com a finalidade de produzir arte para adquirir lucro. Tal sistema desencadeia uma padronização e alienação do indivíduo no que tange o entretenimento e agora, analogamente aos meios de comunicação, o sensacionalismo jornalístico o qual visa apenas o dinheiro e "status'' social.
          Além disso, de acordo com a filósofa Hannah Arendt o conceito de banalidade do mal abrange quando uma atitude agressiva ou ruim ocorre constantemente, as pessoas param de vê-la como errada, ou seja, exatamente como o jornalismo de caráter ganancioso, manipulador e antiético faz faz com a população. Assim, tornou-se difícil acreditar no que se vê nos meios de comunicação, o que causa uma insegurança sobre a veracidade das informações.
          Portanto, é crucial desconstruir a "sociedade do espetáculo" e para isso o Poder Público deve criar leis com fiscalizações severas que punam sites, emissoras ou outros meios comunicativos quando usado o sensacionalismo em divulgação de notícias. Apenas com leis mais rígidas e com a consciência das pessoas essa forma de manipulação cessará.