Envie sua redação para correção
    A valorização do esporte feminino no Brasil
          O esporte feminino sempre foi muito oculto, em termos de visibilidade e de torcida, comparando com o esporte masculino que era mais valorizado. A luta das mulheres pela igualdade dentro do esporte tem sido mais do que uma discussão. Conseguimos enxergar a crescente participação da mulher em competições esportivas ao longo dos anos, além da sua falta de apoio financeiro e estrutural, verbas e patrocinadores para o investimento no esporte. O apoio financeiro é sem dúvida a maior dificuldade enfrentada por elas, sendo o valor investido nelas ainda é muito mais baixo do que com os homens, essa diferença é ainda mais gritante no futebol pois enquanto existem times femininos que faturam em média 20 mil em um campeonato, no masculino vemos esse valor infinitamente maior, com uma média de 500 vezes a mais por campeonato.
         Outro obstáculo enfrentado pelas mulheres é o assedio e o preconceito, pode parecer um absurdo mas muitas mulheres ainda sofrem assédios e preconceitos ao praticar esportes. Historicamente o esporte e a competição sempre foi alvo de incentivo no ambiente masculino como forma de demonstração de poder, virilidade e masculinidade, fatores sociais e muitos outros foram enraizados na construção da sociedade. Tudo contribuiu para que a mulher e o esporte para ela fosse pouco incentivado.
          É possível que com o tempo esse preconceito sofra uma diminuição, e até talvez acabe, mas sendo assim a sociedade feminina ainda precisa ter mais destaque, sendo em canais de televisão quanto em fãs.