Envie sua redação para correção
    Entende-se que uma boa nação é aquela que garante o acesso de qualidade à saúde de todos os seus cidadãos. No entanto, o Brasil ainda sofre com o precário atendimento público desse departamento, principalmente no que diz respeito aos indivíduos homossexuais. Isso se evidencia não só na sua exclusão, mas também nos hábitos cotidianos desses.
          No que diz respeito à exclusão desses grupos sexuais, é notório que ainda há um grande preconceito por parte de todo o corpo social. Com efeito, esses se sentem reprimidos ao buscarem ajudas ou informações que seriam de extrema importância para o bom funcionamento do seu organismo. Dessa forma, é imprescindível que haja a inclusão de todos, sem que haja a distinção por opções de gênero.
          É importante ressaltar ainda que muitos dos indivíduos que estão inseridos nesse conjunto, não são bem informados de como devem prosseguir para buscar ajuda profissional de médicos. Para Freud, pai da psicanálise, a grande parte dos seres humanos são reprimidos, criando assim, transtornos psíquicos, chamados por ele de neuroses. Logo, é necessário que informações desse porte alcancem todas as camadas sociais. 
          Nesse sentido, é importante assegurar o direito de todos os brasileiros de possuírem acesso ao Sistema Único de Saúde. Portanto, em primeiro lugar, é necessário que haja a conscientização de todos para compreenderem as particularidades de cada um. Para isso, o governo deve criar campanhas conscientizadoras dessa temática, a fim de que todos tenham seus direitos assegurados. Só assim será possível um mundo melhor.