Envie sua redação para correção
    Durante o período arcaico grego , mais especificamente na cidade-estado de Esparta , a maior virtude de um cidadão era sua força e violência , por se tratar de uma sociedade militar , na qual desde os sete anos os homens eram arduamente treinados para se tornarem soldados . Na realidade contemporânea , com o desenvolvimento social alcançado pelo ser humano , a violência é considerada uma ação repudiável , porém persiste em marcar as páginas da história brasileira com sangue , e por motivos tão fúteis , como o esporte , em tese uma atividade de lazer.
    
    O Brasil é mundialmente reconhecido , com a alcunha de " país do futebol " , contudo , o que o país ganha em títulos , os torcedores perdem em respeito e educação . Muitas famílias levam os filhos e parentes para que possam se divertir nos estádios e torcer por seus times do coração , e se deparam com brigas entre torcidas , tumultos , discussões e mortes em casos extremos .
    Tais atos de violência são frutos da ignorância de certos espectadores , que valorizam mais o orgulho com o próprio time do que assistir o jogo de forma saudável e aceitar a divergência entre torcidas . Pessoas que somente compareceram para poder ter um espaço de lazer são agregadas a tais situações , que com uma melhor fiscalização e consciência do torcedor , poderiam ser evitadas .
    Assim como dito por Karl Marx , a realidade é proveniente do contexto histórico , e somente o ser humano possui a capacidade de alterá-la. Logo , como responsável por suas ações , os torcedores devem auxiliar um ambiente pacífico , respeitando os demais , para melhorar a qualidade da atração . Os responsáveis pelo estádio devem proporcionar uma segurança mais qualificada e eficiente , a fim de prevenir tais acontecimentos .