Envie sua redação para correção
    O esporte brasileiro, principalmente o futebol, vem cada vez aumentando mais seus índices de violência nos estádios, tanto dos torcedores quanto dos jogadores. As causas e consequências desses comportamentos são frutos do alto índice de violência nas ruas.
        Na atualidade, o tipo de esporte ou equipe que alguém gosta tem grande importância nas relações sociais, pois existem preconceitos em relação ao time que o indivíduo se identifica, como o time Corinthans que é associado à palavra "ladrão", ou como o Palmeiras que são chamados de "porco". É a partir desses atos que começam as discussões e brigas nas ruas que são levadas aos estádios.
        Com o sentimento de pertencimento a determinado grupo, os torcedores têm a tendência de se juntarem aos outros e apoiar as decisões tomadas. Como nas torcidas, que uma pessoa começa a se expressar violentamente, e como consequência todos se sentem à vontade de fazer o mesmo, que acaba em violência e em alguns casos acaba em óbito, como o caso de 2017 em que 11 pessoas foram mortas, segundo Maurício Murad.
        Para não existir mais violência nos estádios, que são lugares de lazer, é preciso entender e respeitar as diferentes opiniões. Como modo de prevenção à violência, devem ter seguranças nas arquibancadas dos estádios vigiando a torcida e retirando os indivíduos que não cumprirem as regras.