Envie sua redação para correção
    A violência envolvendo o esporte, tanto por parte da torcida como também em campo, entre os jogadores, é uma realidade cada vez maior no esporte, motivado de acordo com interesses pessoais, associado à incapacidade das autoridades de controlar a situação. 
      É comum, em jogos esportivos das mais variadas modalidades, notar um ambiente hostil tanto na arquibancada como em campo. Entre os jogadores isso acontece pois muitos esportistas acreditam que a vitória torna-se mais fácil se o adversário se enfraquecer, e com isso, utilizam meios agressivos, como empurrões, cotoveladas e até chutes para sabotar a performance do outro. Por consequência, acaba que quem ganha o jogo é aquele que consegue machucar mais o adversário e não aquele mais habilidoso na modalidade, gerando até certa desvalorização do esporte. 
      Além disso, há também a violência entre os torcedores. Em 2017, Maurício Murad realizou uma pesquisa que apontou cerca de 104 episódios agressivos, entre torcedores, relacionados ao futebol, principal cenário desses atos violentos, causado maioritariamente pelo fanatismo dos torcedores por seu time. Por consequência, muitas pessoas acabam se envolvendo em brigas após, ou até mesmo antes do jogo, que podem ter consequências severas, como a morte de torcedores. Além disso, as autoridades, como os policiais, não tem capacidade de resolver tais conflitos, dependendo do grau que atingir, e seria necessário melhor treinamento e preparação das autoridades.
      Para que os conflitos entre os torcedores seja resolvido, é necessário que o setor administrativo dos locais que cediam os jogos promovam apenas jogos de torcida única e proíba a torcida organizada, uma vez que sem oposição de torcidas, as brigas seriam reduzidas. Entre os jogadores, seria necessário que o Conselho Nacional dos Esportes reservasse juízes de vídeo voltados em observar o comportamento dos atletas em campo, para auxiliar o juiz a punir os jogadores que praticarem tal ação, e assim, combater a violência entre os jogadores.