Envie sua redação para correção
    Hannah Arendt em sua obra Banalidade do Mal , evidencia que os indivíduos realizam ações imagináveis sem questionar, fazendo com que "mal" passe imperceptível. Nesse contexto, a autora parece profetizar a questão das causas e consequências da violência do esporte brasileiro. De fato, convém analisar a rivalidade, disputa de ego, em consonância com que frequentemente há falta de segurança pública como uma das principais consequência que progridem esse cenário. 
       Primordialmente, a intolerância entre uma parcela significativa das membros das torcidas organizadas, têm resultado em uma onda de violência nos últimos anos. Conforme preconizado pelo Mestrado Universo em 2017, foram registrados 104 casos desses crimes, haja vista que vai muito além dos estádios, começam nas ruas, bares, trânsitos e internet. Diante do exposto, percebe-se que como resultado desses desastres temos propriedades públicas e privadas destruídas pelos vandalismo, famílias perdem parentes etc, quebra o conceito do que apenas era pra ser uma diversão. 
       Ademais, é valido salientar que ainda há transtornos na segurança pública no país, favorecendo assim alavancarem os índices dessa selvageria. De acordo com, O Globo, a polícia militar normalmente raramente atua dentro dos estádios, somente nas redondezas. o mesmo é protegido por iniciativas privadas contratadas pelos clubes. Logo, observa-se que a segurança oferecida pelas redes particulares normalmente não intimida, como também não minimizaria as "guerras" em grandes proporções no interior dos estádios. 
      Deve-se constatar, portanto, que providências são necessárias para retroceder o quadro de violência nos esporte brasileiro. Para isso, O Ministério da Educação e Cultura deve promover palestras, campanhas de engajamento e capacitar professores para explicar debater e influenciar, desde a educação básica sobre as causas e consequências desse antagonismo, por meio desse diminuir o número de torcedores movidos pelo ego. Além disso, os governos estaduais elevarem o policiamento dentro dos estágios, com a finalidade de monitorar e prevenir o crime e reduzir o sentimento de insegurança dos cidadão.