Causas e consequências da violência no esporte brasileiro

Envie sua redação para correção
    Segundo Jean Paul Sartre, a violência, seja qual for a maneira como ela se manifesta é sempre uma derrota. Logo, pode-se ver que qualquer forma de agressão será um retrocesso para a sociedade brasileira. Atualmente podemos que o esporte, principalmente o futebol que deveria ser algo para unir as pessoas está cada vez mais imerso no fanatismo e intolerância.
       Primeiramente, deve-se ressaltar que o fanatismo é uma das principais causas das constantes brigas de torcida que acontecem dentro nos estádios, esses comportamentos radicais dos fãs chegam ao extremo, e a contenda causada nos jogos ocasiona em um ambiente inóspito para o lazer de famílias e amigos.
       Por conseguinte tem-se a falta da liberdade de expressão, um direito garantido pela Constituição Federal Brasileira de 1988 do qual todas os cidadãos deveriam usufruir sem serem ridicularizados, porém muitos estão sendo privados desse direito quando são agredidos por causa de seu time de futebol.
        Portanto, é mister que o Estado tome providências para amenizar o quadro atual. Para por um fim nesse problema o Ministério da Justiça e Segurança Pública deve aumentar a segurança nos estádios, impor leis mais rígidas para os desordeiros e por meio de verbas governamentais, organizar palestras abertas a comunidade para conscientizar a população. Somente assim, será possível vencer a violência nos esportes e fazer a sociedade progredir.