Envie sua redação para correção
    No Brasil, o esporte, principalmente o futebol, desperta sentimentos nas pessoas como felicidade, além de ansiedade.Ademais, frequentar estádios constitui um modo de lazer para muitas famílias, no entanto, o aumento das brigas entre os torcedores causa medo na população.Dessa forma, é necessário aumentar o policiamento nos dias das partidas, bem como conscientizar os cidadãos a não estimular a rivalidade entre as torcidas,uma vez que estas são umas das causas da violência no esporte.
       Os estádios brasileiros, recebem expressivo número de pessoas para assistirem os jogos.Dessa forma, esses eventos representam uma maneira de interação entre sujeitos com objetivos comuns, mas também, pela proximidade dos torcedores juntamento ao elevado número de sujeitos, podem favorecer a ocorrência de conflitos.Diante disso, uma discussão entre dois indivíduos pode ser o inicio de uma briga generalizada, sendo que esses conflitos, muitas vezes, não são contidos rapidamente pela carência de policiais próximos as cadeiras dos torcedores.
       Diante do mesmo aspecto, bastantes brigas ocorrem também entre sujeitos de torcidas diferentes, tendo em vista que os próprios jogadores, mesmo que sem intenção, estimulam a rivalidade de torcidas quando comemoram o gol com danças, bem como gestos que desrespeitem o outro time.Dessa maneira, algumas pessoas nas arquibancadas tentam expressar-se do mesmo modo que os jogadores e , assim, quando outro indivíduo da torcida rival não aceita a brincadeira esses envolvidos podem agredir-se verbal ou até fisicamente.
       Os prefeitos devem, portanto, selecionar por meio do rendimento estudantil os acadêmicos de direito das faculdades locais mais aptos a gravarem vídeos conscientizando jogadores, bem como torcedores sobre a importância de não estimular a rivalidade entre torcidas.Ademais, essas gravações precisam ser disponibilizadas nos telões dos estádios e ,além disso é necessário também aumentar o policiamento nos jogos para que a violência nos estádios diminua.