Causas e consequências da violência no esporte brasileiro

Envie sua redação para correção
    Atualmente, a violência no esporte brasileiro vem se tornando muito frequente. Muitos casos relatados de furtos, mortes, agressões em estádios demonstram insegurança aos torcedores que vão assistir aos jogos de seus times, como também a violência social que se encontra presente em um dos esportes mais famosos do país, o futebol. O esporte, que deveria ser um meio para amenizar a violência, está causando tanta confusão quanto a violência do dia a dia.
       Essa violência vai muito além dos jogos, dos campos, começando assim, numa cultura de violência. Do mesmo modo, iniciando-se com o ensinamento das crianças onde os pais são torcedores fanáticos que acabam desrespeitando o outro e, com isso, as crianças aprendem que é correto agir dessa forma gerando assim uma cultura violenta onde brigar, xinga, diminuir o outro é correto na vida do esporte.
       O que deveria ser tranquilo, divertido, um passatempo para as pessoas se tornou uma das notícias mais faladas no momento. Sendo assim, confusões em estádios, brigas, mortes, são mais comuns serem notificados do que o próprio jogo. Contudo, muitos perdem o dia ao presenciarem esses conflitos entre os torcedores ou até mesmo entre os jogadores,  ao invés de se entreterem com os jogos junto aos amigos ou família.
       Portanto, medidas devem ser tomadas para diminuir essa questão de violência nos esportes. Logo, o Ministério Público do Estado deve tomar medidas para garantir a segurança de todos nos estádios, assim como, colocarem guardas para que tenha um controle na entrada e saída dos jogos, para que aqueles que cometessem qualquer conflito, sejam pegos e punidos com leis que coloquem ordem e segurança a todos. Com o intuito de diminuir a violência para que os esportes possam ser prazerosos e divertidos ao invés de trazerem confusões e más notícias para a sociedade.