Causas e consequências da violência no esporte brasileiro

Envie sua redação para correção
    Violência significa usar a agressividade de forma intencional e excessiva para ameaçar ou cometer algum ato que resulte em acidente, morte ou trauma psicológico. Não há dúvidas de que a violência no esporte advém de uma face da sociedade que engloba a hostilidade no cotidiano. O esporte que, teoricamente, deveria sublimar a selvageria, passou a ser a própria forma de manifestação desse fenômeno.
           A priori, o desporte deveria ocupar um lugar de destaque nos noticiários pelo seu esplendor e capacidade de resgatar crianças e jovens das drogas e dos crimes. Porém, o que era para ser um momento de descontração entre amigos e parentes passou a carregar um medo. com isso, pais não sentem-se mais seguros para levar seus filhos para assistir jogos, não só de futebol mas também de outros esportes, porque não sabe-se o espetáculo esportivo vai se transformar em um show de horror.  
             Por conseguinte, de acordo com uma pesquisa realizada pelo o site R7, ao menos 101 pessoas morreram nos últimos 26 anos devido a brigas entre torcidas, contudo, é importante salientar que a violência no esporte vai muito além dos estádios, ginásios ou arenas esportivas, elas começam antes, nas ruas, nos bares, no trânsito, na internet. A agressão existe em todas as formas, seja violência verbal ou física. 
             Nesse sentido, é importante que os times façam campanhas onde mostrem abominação a qualquer tipo de embate e impeça que torcedores que praticam tal ato se filiem, não tendo direito as vantagens de um sócio-torcedor, por exemplo. Ademais, a Polícia Militar deve se posicionar em quantidade e em pontos estratégicos nos estágios e ao redor dos mesmos, para que possa atuar de forma rápida e eficaz. Desta forma, o esporte vai ser valorizado pela sua magnitude, inspirando a todos que tem contato com ele