Causas e consequências da violência no esporte brasileiro

Envie sua redação para correção
    " A violência, seja qual for a maneira como ela se manifesta, é sempre uma derrota". Esta afirmação do Jean-Paul Sartre leva à conclusão de que há, de fato, a violência no esporte brasileiro que advém de uma face da sociedade que engloba a raiva no cotidiano. Nessa lógica, cabe uma análise sobre articular mudanças para inverter a crescente problemática a violência.
         Em primeira análise, de acordo pela Pesquisa de Mestrado da Universo, em 2017, foi registrado cerca de 104 episódios de selvageria relacionado ao futebol brasileiro, que resultou em 11 mortes de torcedores. Essa agressividade não acontece só entre os torcedores, mas sim entre os jogadores também que acaba incentivando na luta entre os fãns no qual automaticamente essas brigas são levadas para fora dos ginásios, gerando o aumento de pessoas envolvidas no conflito.
       Em segunda análise,o bulliyng do desporte já tomou proporções enormes, principalmente vindo da internet, pois se manifestam contra ou a favor de um determinado time que conclui com comentários de zombaria e violência verbal. Outro fator, é o vandalismo que esta dentro a quase todas as situações de aspereza no esporte. Eles além de baterem uns aos outros também agridem a polícia jogando pedra, garrafas de vidro, rojão, pedaços de madeira,etc. Tendo que finalizar, os guardas revidarem com bombas de gás, spray de pimenta a fim de que diminua ou encerre essas brutalidades.
            Por conseguinte, o Ministério Publico deveria contratar mais seguranças e colocar mais policias dentro e fora dos estádios , como também revistar todos que entrarem, proibir torcidas uniformizadas para que haja um incentivo maior para as famílias irem aos torneios sem a presença de violência nos ginásios.