Causas e consequências da violência no esporte brasileiro

Envie sua redação para correção
    Caminhos para combater o ''jogo'' mortal
    
        Desde a primeira morte registrada, envolvendo brigas de torcida em meados do século XX, no qual após esse fato os índices dessa problemática aumentaram. Nesse sentido, no cenário brasileiro, hoje, observa-se uma grande recorrência dos atos de violências nos esportes, e como tal, é recordista em mortes referente a esse meio social, quer seja pelo " bullying " praticado na internet, quer seja pela revolta do indivíduo com a derrota do seu time. 
         Em primeira análise, os veículos midiáticos possui grande poder de propagar o ódio. Com isso, percebe-se que esse fato pode acarretar em " bullying " para com aquelas pessoas que tiverem opiniões diferentes da maioria. Por essa razão, esses tipos de discussões geram à violência fora da internet, visto que, esses atos dão origens as torcidas organizadas, que na grande maioria, possui o intuito de gerar agressões.
           Em segunda análise, muitos torcedores se acham no direito de agredir outros após uma insatisfação com a derrota do seu time. Nessa lógica, pode-se associar as atitudes desse indivíduos com a do Homem da corrente literária do Naturalismo, o qual esse age por impulso acabando-se por cometer a violência por instinto. Entretanto, esses passam por um processo de civilização, por essa razão, tal problemática deveria possuir possuir baixos índices.
          Fica evidente, portanto, a necessidade de medidas governamentais para uma maior segurança em todos os esportes, que cabe ao Ministério da Cidadania em parceria com as Secretarias de Segurança Municipal, com uma fiscalização efetiva nos veículos midiáticos e nos estádios, por meio de incentivos a paz e confiança nas atividades esportivas, que podem ser propagadas através de campanhas televisivas e na internet, para que o Brasil obtenha uma queda nos números de mortes dessa vertente social.