Envie sua redação para correção
    Com a evolução das tecnologias da informação, como a internet, surgiram diversas melhorias, como o acesso a informação. Entretanto, juntamente há isso, verifica-se a aparição de alguns problemas, como a Cibercondria, auto diagnóstico de alguma possível doença. Esta é um dos problemas mais estudados na era digital, que tem como principal função, as pesquisas de problemas relacionados a saúde sem a devida especialização, podendo ocasionar o agravamento de uma doença.
        A Cibercondria, tornou-se popular pelo seu diagnóstico rápido, no qual, pode ser realizado em apenas 5 minutos. A problemático do mesmo, é a auto medicação indevida e sem prescrição médica. Segundo uma pesquisa realizada pelo  Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade (ICTQ),79% das pessoas com mais de 16 anos tomam remédios sem prescrição especializada. Com isso, torna-se claro o tamanho da nocividade da falsa compreensão da automedicação.
        Outro male relacionado a Cibercondria é a total confiança no que se é lido, de forma que as pessoas ficam apreensivas em relação as doenças auto diagnosticadas. Além dos diagnósticos absurdos por uma breve pesquisa, podendo ser exemplificada de forma que uma simples dor de cabeça pode ser diagnosticada como câncer pancreático, a gravidade deste assunto muitas vezes não é compreendida pelo usuário em sí, sendo uma tarefa difícil de ser contida.
        A contenção da Cibercondria, deve-se principalmente ser realizada por campanhas educativas, realizadas por ONG's,  juntamente com o governo,  até mesmo na distribuição de panfletos a fim de conscientizar a população não especializada sobre os males da automedicação/autodiagnóstico, além da realização de incentivos para as idas aos médicos, para então prescrever uma medicação adequada e um diagnóstico correto.