Envie sua redação para correção
    Em 1900, o engenheiro Tim Berners-lee desenvolveu a World Wide Web, possibilitando a utilização de uma interface gráfica e a criação de sites mais interessantes. Isso significa que, com o advento da internet, a informação passou a ter um papel predominante na vida da população. Podendo ser prejudicial a vida gerando mau usufruto desses sites, como no caso em que pessoas buscam resolver problemas de saúde por meio de pesquisa no Google, e o surgimento das Superbactérias. 
      Em primeira análise, retomamos a revolução industrial onde se teve o desenvolvimento da globalização. A globalização acarretou nas distribuições de informações e o surgimento de meios de transportes. Com isso, obtemos a propagação de doenças e o desenvolvimento tecnológico. Nos últimos anos, observa-se uma tendência crescente de pessoas que usam sites de pesquisa para sanar suas dúvidas. O acesso á esses sites sem um conhecimento profissional faz com que as pessoas tirem conclusões precipitadas, o que caracteriza a Cibercondria, a doença da era digital. Os indivíduos podem concluir que possuem uma doença, ignorar uma doença grave e até mesmo se automedicar.
        Além disso, no século XX, o biólogo inglês Alexander Fleming encontrou a Penicilina, um antibiótico para deter bactérias causadoras de doenças. Apesar dessa descoberta ter sido um grande avanço na
     área científica, algumas bactérias estão sendo chamadas de Superbactérias pelo fato de resistirem aos antibióticos. Elas surgem em razão do uso de uma  quantidade excessiva de antibióticos de forma desnecessária, de maneira incorreta ou sem prescrição e acompanhamento médico. Observa-se uma grande quantidade de óbitos em todo o mundo em decorrência de infecções de Superbactérias que normalmente são associadas ao ambiente hospitalar devido a falta de higienização.
        Visto que a utilização da tecnologia criada por Berners-lee levou a informação predominante na vida das pessoas podendo causar o mau uso desses sites. O governo deve agir juntamente com o Ministério da Educação trazendo debates e palestras para que ocorra uma educação digital nas escolas. Obtendo assim, a conscientização sobre o perigo de acreditar nesses tipos de informações que os sites de pesquisa disponibilizam. É necessário também que o governo em parceria com o ITCQ(Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade) cumpram a fiscalização e o controle das vendas de medicamentos por meio de denúncias feitas pela população e vender apenas a quantidade necessária e exata de comprimidos ao cliente. Alcançando assim, uma melhor prevenção das superbactérias.