Enviada em: 22/08/2019

No filme ''descendentes'' é mostrado um grupo de jovens que sofrem pelo fato de seus pais os obrigarem a seguirem um estilo de vida que vai de encontro ao planejado pelos protagonistas. Ademais, não é somente no mundo da ficção que os progenitores costumam interferir na vida de seus filhos. Prova disso é que segundo o IBGE, 46% dos casos de evasão universitária se dá por motivo de iniciarem um curso somente parra agradar os familiares ou por buscar cursos com altas remunerações.      De início, vale ressaltar que, para o filósofo Émile Durkheim, os membros mais antigos de um grupo social tendem a passar seus valores e anseios para as novas gerações. Dessarte, essa ação acaba por prejudicar diversos jovens, visto que faz com que muitos destes desistam de cursos com os quis eles possuem afinidade, para satisfazer as expectativas de terceiros. Todavia, essa coerção vai de encontro a linha de raciocínio do pensador Santo Agostinho, na medida em que para esse todos os seres humanos são dotados do livre-arbítrio e que esse deve ser respeitado.       Em segundo lugar, deve-se mencionar que para os membros da Escola  de Frankfurt, desde a consolidação do regime capitalista a maioria da ações acabaram por girar em torno do dinheiro. Destarte, a concepção desses sociólogos  pode ser comprovada ao se observar os critérios de se escolher uma formação, dado que segundo o site ''guia da carreia'', as mesma profissões que são as mais concorridas são as mesmas com uma maior remuneração.     Portanto, se faz necessário medidas capazes de mitigar essa problemática. Para tanto, as escolas junto com a mídia deve buscar conscientizar os país e os estudantes sobe a importância de escolher um curso. Isso pode ser feito por meio de palestras e propagandas cujo intuito seja atentar aos familiares sobre a relevância de  apoiar o estudante independente da escolha do curso e mostrar aos alunos que a remuneração não pode ser o único critério para se matricular em uma formação. Desse modo a lenir a evasão escolar....