Enviada em: 22/08/2019

Segundo dados do mec,  o número de desistentes nas universidades chega a 20%. Ainda, de acordo com essa instituição, se esse total for reduzido para 15%, o estado recupera por volta de 8% dos prejuízos advindos dessas desistências. Destarte, entre os motivos da evasão universitária, estão as questões pessoais que contribuem para as desistências e a não identificação com o curso escolhido, logo, esses fatos representam desafios para a diminuição do impasse.   A priori, é válido salientar que gravidez, doenças ou problemas familiares.  Estão entre as causas da problemática. Nesse viés, nos casos de gestação, é relevante mensionar a lei fundamentada na constituição de 88, na referida, há a garantia de que estudantes grávidas sejam assistidas em casa, quanto às faltas, trabalhos e atividades. Entretanto, essa informação não é compartilhada pelas  instituições.    Em segunda via,  é importante frisar que a desistência do aluno pode ocorrer devido a não identificação com o curso escolhido. Nesse contexto, é essencial citar que um artigo do  portal Estadão informa que cerca de 900 mil discentes desistiram das universidades no período de 10 anos. Assim, percebe-se que muitos universitários arrependem-se do curso escolhido.  Portanto, é evidente a ocorrência de problemas pessoais e a não identificação com o curso, contribuem para a evasão nas universidades.  Urge que os representante das IES( Institudo de Ensino Superior) criem um sistema de assistência ao estudante, por meio da disponíbilidade de psicológos é professores que orientem os discentes nas seus dilemas pessoais. Também é necessário que o Ministério da Educação fomente nas universidades a opção de mudança de curso. Para que o estudante de mantenha na faculdade. Ademais, essa alternativa dá a oportunidade de uma transferência interna. Está ação já é possível, entretanto não é de conhecimento de todos, por isso precisa ser disseminada entre os estudantes por intermédio da "assistência do aluno". Destarte, só assim o Brasil aumentará o número de indivíduos  qualificados....