Enviada em: 27/08/2019

O interesse e a expansão de novos cursos superiores no pais estimulou o ingresso de diversas pessoas ao desejado ensino de nível superior. Porém, os altos índices de evasão estudantil relacionado a fatores pessoais, econômicos e a falta de assistência ao universitário contribuem para dados alarmantes. Entretanto, o desenvolvimento de algumas medidas podem contribuir para dar continuidade a uma etapa tão importante na vida dos estudantes. Alguns aspectos podem ter contribuído para o aumento significativo na procura por cursos de ensino superior. Atualmente o crescimento profissional e intelectual através de instituições de ensino superiores tem tido enorme relevância devido aos benefícios que podem acrescentar na formação profissional.  Contudo, a dificuldade de conciliação dos estudos com emprego e a falta de recursos financeiros, trazem barreiras  que impossibilitam a sequencia do aprendizado do discente até a sua formação. Apesar disso, a adoção de uma base que possa trazer a quebra dessas barreiras significa uma enorme vantagem, não apenas pessoal para o aluno, mas de enorme crescimento para o pais, uma vez que  a formação de nível superior possibilita uma força de trabalho especializada que auxilia no desenvolvimento do Brasil.  Dessa forma, uma participação mais efetiva e consciente do poder executivo do pais, significa um aumento na expectativa que a sociedade tem em relação a todos benefícios que a educação pode trazer. A atuação do governo nas universidades encontra maior efetividade na introdução de uma menor burocracia de acesso aos programas estudantis como bolsa permanência e seu aumentando consideravelmente, além de programas de iniciação cientifica aos estudantes. Essas medida possibilitam maior aderência estudantil nas universidades e a diminuição da desistência universitária.