Envie sua redação para correção
    No Brasil existe a problemática em relação a doação de órgãos, assim, de acordo com a "ABTO" (Associação Brasileira de Transplante de Órgãos), no ano de 2012 cerca de 6 mil pessoas estariam aptas a doar mas, infelizmente, somente 1800 famílias disponibilizaram à doação de órgãos. Desse modo, existe um dilema em torno da doação por parte dos familiares. Dentre os principais motivos estão, a falta de informação sobre o processo, o medo do tráfico de órgãos e, ainda, a obscuridade por parte de muitos brasileiros sobre como ser um doador. 
       Em primeira análise, a falta de informação para a população sobre como ocorre o processo de doação de órgãos é um dos empecilhos contra a causa. Dessa forma, muitos pensam que há uma grande burocracia para ser um doador quando, na verdade, só se precisa informar à família. Além disso, alguns se prendem a superstições infundadas ou receios quanto a doação pois temem como isso se sucederá e, se enquanto em vida, ser um doador prejudicaria suas chances de permanecer vivo em emergências.
       É importante ainda frisar que o tráfico de órgãos é algo no qual pode influenciar uma pessoa a optar por não ser doadora. De maneira análoga há o caso do menino de 10 anos tido morto por morte encefálica, Paulo Pavesi, em que foi comprovado uma falsificação no laudo médico com o intuito de serem vendidos os órgãos do menino ao mercado negro, tendo os médicos induzido a morte do garoto. Porém, casos como estes são raros e cada vez mais o Governo investe na segurança dos transplantes mas, a população está a parte dessa informação. 
        Portanto, como descrito na introdução, a falta de informação é um dos maiores problemas contra a doação de órgãos e precisa ser combatida. Logo, é necessário que o Governo em parceria com os professores introduzam informações sobre a doação de órgãos nas escolas visando conscientizar e normalizar essa prática as novas gerações. Ainda, se faz útil que ONGs busquem divulgar com mais afinco sobre a doação e como se sucede todos os processos por meio de panfletos e mídia digital.