Envie sua redação para correção
    Ao observar a crise na doação de órgãos no Brasil, é inquietante que essa problemática tende a crescer assustadoramente. Trata-se aqui de uma dificuldade exacerbada, de um ato que pode salvar várias vidas. De acordo com esse quadro, torna-se necessário evidenciar que esse problema é agravado pela falta de conscientização sobre o assunto e por falta de infraestrutura de transporte.
          Ao se analisar a taxa de pessoas que vão a óbito e não tem seus órgãos transplantados, verifica-se que esse número é alarmante, segundo pesquisas realizadas pelo Datafolha. Nota-se, na maior parte é autorizado a cessão de seus restos mortais, contudo a legislação brasileira determina que quem deve ratificar esse ato são os familiares , os quais estão em crise e com o emocional bem abalado e tem como consequência a negação da doação dos órgãos. Tendo como efeito, o desperdício de vários órgãos sadios que poderia salvar varias vidas, apenas por egoismo e negligencia.
          Uma segunda situação traz à tona carência com a estrutura traslada, a qual está sendo pouca investida e deixando-a com péssimas condições para esse processo. É valido ressaltar que o Brasil e destaque em doação. Entretanto, a cada 3 órgãos doados 2 se perdem por falta de transporte ou por falta de profissionais capacitados para fazer esse tipo de manuseio. Em três anosa FAB deixou de fornecer aviões para o transporte de 153 corações, fígados, pulmões, pâncreas, rins e ossos. Os órgãos saudáveis se perderam por falta de outras alternativas de transporte.
          Diante desse contexto, a falta de transplantes , revela que medidas devem ser tomadas. Caso contrário, possivelmente teremos cada vez mais mortes desnecessárias. Contudo, com a devida intervenção do Poder Legislativo, propiciando alteração na lei de doação de órgãos permitindo que seja mais brando e mais prática. Como, por exemplo o cidadão deve atualizar seu cadastro sobre esse ato ao se passar uma quantidade de tempo. E também a FAB fornecer aviões ou outros tipos de transportes com prioridade máxima para esse tipo de caso