Enviada em: 26/09/2017

No século XVII, nas escolas, havia regras disciplinares severas, pois os professores tinham autoridade e respeito em sua sala de aula. E os alunos eram obrigados a estudar. Hoje, os jovens sustentados pelos seus pais, fazem o que querem, e assim, deparamo-nos com uma situação totalmente inversa. Em várias escolas, os alunos mandam e desmandam em seus mestres, fazendo com que ocorra a perda do rendimento escolar. Essa inversão tem influência na violência em casa e, sobretudo, na tecnologia. E necessita-se de regras impostas pelo MEC(Ministério da Educação).      Sabe-se, que as discussões, brigas e desentendimentos familiares são fatores que geram revolta no jovem, podendo ser o principal motivo de sua rebeldia e desinteresse. A agressão em sala de aula predomina cada dia mais, como é o caso registrado neste ano em Santa Catarina, em que uma professora de português foi agredida com socos por um aluno. Diante disso, medidas socioeducativas devem ser tomadas.      Ademais, não se culpa uma educação vaga que ocorre em nosso país diante da crise que enfrentamos. Há inúmeras formas de estudar, como por exemplo, por meio da internet e de livros didáticos. Quem tem interesse, tem consciência. Ao contrário, devemos culpar o jovem, por deixar a tecnologia, a era do videogame e jogos de violência, como o LOL(League of Legends) tomarem conta da realidade. Porém, deparemo-nos com pais protetores e filhos mentirosos. Ou seja, falta participação dos pais na educação de seus filhos.      Portanto, os pais devem participar ativamente da vida educacional de seus filhos. Os jovens, devem se conscientizar sobre seus atos e porque o futuro depende deles mesmo. E para o "aluno opressor", o Ministério da Educação, juntamente com cada secretário(a) da educação de cada estado, deve criar leis e regras. Que as mesmas, punem o indivíduo conforme o ato desrespeitoso causado, seja, com palavras, atitudes ou força corporal. A sala de aula deve voltar a ser como era, com regras disciplinares severas, assim se terá uma sociedade com pessoas educadas e preparadas para os desafios futuros....