Envie sua redação para correção
    No contexto brasileiro, de grande desigualdade social, criminalização e de poucos oportunidades de igualdade de crescimento pessoal, o esporte, apesar de pouco valorizado quando comparado a países desenvolvidos, representa para muitos praticamente a única oportunidade de conquista de espaço e respeito na sociedade. Representa, portanto, forte relação na conquista da cidadania.
          O principal fator para tal, é o poder transformador do esporte na vida de qualquer pessoa. Quando um jovem coloca sua energia em um jogo, ele aprende muito mais do que simplesmente a praticar um esporte, aprende a trabalhar em equipe, aprende a respeitar o próximo, compreende a necessidade da disciplina para alcançar objetivos. O jovem, principalmente de condição social inferior, se transforma e, naturalmente, afasta-se de ambientes como, de criminalidade e de drogas.
    
          Outro ponto favorável do esporte, ainda incipiente no Brasil, mas de poder transformador sem igual, é a possibilidade de que o esporte proporciona na inclusão de pessoas com deficiência física. Isso porque, em geral, essas pessoas não recebem por parte da sociedade igualdade de crescimento pessoal. Dessa forma, o esporte pode ser a oportunidade única para se tornarem útil e, portanto, cidadãos valorizados.      
    
          O poder de transformação causado pelo esporte em uma sociedade é evidente. Nota-se muitos aspectos positivos no desenvolvimento de um país como, diminuição de índices de criminalidade. Para que mais benefícios, no contexto brasileiro, se tornem ainda mais evidentes, é preciso a maior valorização do esporte por parte do governo, com incentivos a formação de novos atletas, principalmente por meio do ambiente escolar. Bem como, o apoio da sociedade com de divulgações, participação e acompanhamento das diferentes modalidades e dos novos contextos emergentes, proporcionando maior visibilidade e importância ao esporte.