Intolerância e discurso de ódio contra minorias

Envie sua redação para correção
    Promulgado pela ONU em 1948, a declaração universal dos direitos humanos garante a todos os indivíduos,o direito à segurança e o bem está social.Conquanto, a incidência de pessoas que têm sua segurança física e mental abalada por pessoas que sente ódio de sua etnia, opção religiosa, escolha sexual... impossibilitando que essa parcela da população desfrute do direito universal na prática.Nessa perspectiva os desafios devem ser superados de imediato para que uma sociedade integrada seja alcançada.
      Convém analisar, inicialmente, que os discurso de ódio contra negros, religiosos, pessoas fora do padrão certos criados por eles... não é algo da atualidade , pois muitas pessoas já lutaram por algo assim no passado, um desses é pasto americano Martin Luther King , que lutou contra o racismo e escravidão contra os negros, que é uma forma de raiva e ódio contra uma minoria.
      Outro ponto relevante, nessa temática, é a ´serie norte americana Glee, que aborda muito bem o discurso de ódio na sociedade atual, a trama acompanha um grupo de canto, que é formado em sua maioria por pessoas excluídas de outros grupos, apenas por serem gordas,negras,gay,seguir outra religião. Seguindo essa linha de raciocínio,poderia ser aplicada a primeira lei de Newton, que é a lei da inércia, que se uma força de mesma intensidade não agir contra o ódio e a intolerância nada vai mudar.
       Portanto, medidas são necessárias  para resolver o impasse, o ministério da educação, que é o responsável por lidar com a educação do país,junto ao poder legislativo, que é o poder que elabora leis, deve entrar em acordo, para que assim as escolas abordem mais o tema, para que a nova geração saiba se importa com o próximo e que as leis sejam mais rígidas. A partir dessas ações, espera-se promover uma melhora nas condições de vida desses grupos pequenos. E que os seres humanos se coloquem mais no lugar do outro, como diz o poeta contemporâneo Leminski "em mim, vejo o outro".