Intolerância e discurso de ódio contra minorias

Envie sua redação para correção
    A Constituição Federal de 1988 é conhecida como Constituição Cidadã em razão da garantia de direitos sociais que ela decreta para todos. No entanto, apesar dessa garantia, hoje é observado muita intolerância e discurso de ódio contra minorias. Essa situação é intensificada através da popularização da internet e da consolidação da intolerância na sociedade.
      Primeiramente, é importante mencionar como a popularidade do mundo virtual aumentou os casos de intolerância e discurso de ódio. Na rede, as pessoas são mais intolerantes às minorias, porque pensam que estão exercendo sua liberdade de expressão quando na verdade estão cometendo o crime de discurso de ódio. Somado a isso, a impunidade e o anonimato que os intolerantes sentem na internet facilitam com que mais minorias se tornem alvos de criminosos virtuais, já que os cidadãos não sentem medo de serem punidos pelas atos que cometem na internet.
      Em segundo lugar, a consolidação da intolerância na sociedade perpetua o discurso de ódio contra minorias. A intolerância hoje é considerada um fato social (termo criado no século XIX pelo sociólogo francês Émile Durkheim), levando em conta que ela é imposta nas crianças por causa delas estarem inseridas em um meio intolerante com as minorias. Esse panorama, agrava os casos de discurso de ódio visto que as pessoas são coagidas a serem intolerantes desde a infância.
      Fica claro, portanto, que a intolerância e o discurso de ódio contra minorias são intensificados pelo uso indiscriminado da internet e pelo estabelecimento da intolerância na sociedade. Para resolver essa problemática, é necessário que a Polícia Federal faça uma investigação nas redes sociais e nos fóruns da internet, no intuito de prender os criminosos que cometem discurso de ódio, para que essa sensação de impunidade e anonimato sejam extintas. Ademais, é dever da família e da escola impedir que a sociedade forme crianças intolerantes. Só assim, a intolerância e o discurso de ódio contra minorias serão amenizados e a Constituição Cidadã será efetivada.