Intolerância e discurso de ódio contra minorias

Envie sua redação para correção
    Minoria é o termo usado à um grupo marginalizado em meio social pelos aspectos econômicos, culturais, religiosos, sociais ou físicos. Apesar haver garantia constitucional a todos os cidadãos, uma parte é segregada. Muitas vezes, o desconhecimento populacional dos seus direitos e diversidades são responsáveis por tal segregação. O preconceito, por sua vez, alimenta diretamente o ódio e a intolerância aos grupos minoritários. 
     Com isso, o artigo 5 da constituição afirma que " todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza", tendo em vista o conceito de isonomia, no qual fundamenta toda a legislação que protege as minorias. Contudo, o desconhecimento dos direitos e das diversidades brasileiras geram a impunidade e o preconceito. Muitas vezes o desrespeito dos direitos já garantidos levam a impunidade do agressor pela falta de denúncia ou  pela precária estrutura de atendimentos às vítimas. 
     Além disso, o discurso de ódio disfarçado de liberdade de expressão nas redes sociais, contribui à esse tipo de intolerância. Esse preconceito na internet, é associado ao "Backlash" conservador, que consiste numa reação conservadora em relação a maior liberdade das minorias. 
     Portanto, o Governo Federal em parceria à Secretaria dos Direitos       Humanos e a mídia televisiva, deveriam lançar campanhas de divulgação dos direitos das minorias, de valorização da diversidade brasileira e de incentivo a denúncia (disque 100), inserindo-as em propagandas de televisão, escolas ou nas redes sociais, para combater à impunidade dos agressores, o fim do preconceito e a informatização dos direitos que tais grupos possuem.