Intolerância e discurso de ódio contra minorias

Envie sua redação para correção
    Tema: importância do trabalho voluntário        Título: O ideal verde-amarelo
          Com lema maior de desenvolvimento social e econômico, a cultura do Estado de bem-estar social firmada no ocidente, ao permear do século XX, legitima como seu principal aspecto a cooperação entre os diversos indivíduos de uma sociedade, a fim de atenuar impactos que ponham em xeque direitos constitucionais, que caracterizam uma nação. De modo antagônico às premissas consolidadas no século passado, a limitada mobilização de indivíduos brasileiros em ações solidárias, sobretudo em trabalhos voluntários, mostram a fragilidade de um povo na valorização da cidadania e a sua importância para o crescimento completo de um meio. 
        Para o sociólogo Max Weber, é de suma relevância a criação e a preservação de ações sociais racionais relacionadas à valores — atitudes coletivas que façam os cidadãos demonstrarem entre si laços de solidariedade, de cunho totalmente filantrópico. No entanto, essas condutas tornam-se cada vez ainda minimizadas na contemporaneidade, visto que o alicerce de uma rotina definida para a maioria dos brasileiros, como a diversidade de afazeres pessoais, obstruem o tempo e a vontade do necessário quantitativo de pessoas na realização de tais práticas voluntárias. Assim, situando as atividades sociais em segundo plano, torna-se mais conflituoso o êxito das premissas weberianas.
         De outra parte, é pertinente a frisagem de que a ausência da valorização necessária à ajuda aos carentes em determinados aspectos, deve-se, também, às defasagens construtivistas desde os primórdios da maior parte dos brasileiros. Isso se evidencia, de forma concreta, por uma pesquisa elaborada pelo Jornal O GLOBO, a qual afirma que, na atualidade, menos da metade das escolas públicas de todo o país possui algum projeto, ou atividade extracurricular, que culmine ao incentivo à solidariedade. Assim, exemplifica-se que, para a construção de uma esfera social baseada no princípio da caridade e do voluntarismo, hei de ser construir uma reestruturação social que englobe tanto o cenário educativo infantil, quanto a adoção de princípios na posterioridade. 
         À face do exposto, é possível entender que torna-se imprescindível a ascendência da cultura do trabalho voluntário verde-amarelo. Para tanto, é necessário que as principais empresas latinas permitam, ao menos uma vez por mês, a flexibilização do horário dos funcionários, para que esses membros utilizem o tempo necessário à propagação de ações sociais. Além disso, cabe às instituições de ensino organizarem e intensificarem campanhas comunitárias, que mostrem aos alunos, desde os primeiros anos escolares, a necessidade e a tamanha importância da ajuda instintiva. Por conseguinte, sob a aplicação de medidas com base na perspectiva de Weber, cumprir-se-ia um meio social que não mais tornaria utópico o tipo ideal estabelecido pelo estado bem estar social.