Intolerância e discurso de ódio contra minorias

Envie sua redação para correção
    Intolerância contra minorias
         Atualmente no mundo, as pessoas estão cada vez mais intolerantes, temos exemplos de intolerância todos os dias, como o terrível massacre na Nova Zelândia, ou o massacre em Suzano. É um assunto complicado pois todos buscam a paz mundial, mas essa ainda é uma realidade longínqua.        Com a acensão das redes sociais, ficou muito mais fácil de atacar pessoas, só por serem de outra etnia. É importante lembrar que todas as formas de intolerância, como o racismo e o machismo, são crimes passíveis de punição perante a lei, como retenção e pagamento de multa. Além disso, vão contra os princípios da nossa Constituição Federal, que pretende promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação.
        Mas a maior motivo de intolerância entre pessoas, é a religião. A intolerância religiosa é um termo que descreve a atitude mental caracterizada pela falta de habilidade ou vontade em reconhecer e respeitar diferenças ou crenças religiosas de terceiros. Pode-se constituir uma intolerância ideológica ou política, sendo que, ambas têm sido comuns através da história.
             A intolerância é algo muito comum hoje em dia, pois está na moda fazer discursos ofensivos, e algumas vezes até partir para a violência. Tudo começa pelo respeito, seria importante se todos tivessem respeito pelo próximo.