Intolerância e discurso de ódio contra minorias

Envie sua redação para correção
    A intolerância é um tema que incidiu na sociedade desde tempos remotos, sabendo que ocorreu de diversos modos, assim como em várias etnias e religiões ao longo do tempo. Porém, atualmente é muito comum acontecer esse tipo de preconceito com pessoas portadoras de necessidades especiais. Conforme apresentada, essa parcela da população pode ser desprezada e reprimida, o que mostra o quão cruel a humanidade pode ser com seus iguais, destacando assim pontos que devem ser melhorados no cotidiano.
          Dessa forma é possível seguir uma ideologia criada por Albert Einstein, onde o físico diz: "o mundo não será destruído por aqueles que fazem o mal, mas por aqueles que o olham e não fazem nada". Com isso, retomando-se o pensamento de Einstein, chegamos a conclusão que estamos cometendo erros constantemente, destacando assim que esse não é o grande problema, e sim a falta de empatia, que deveria ser inerente ao ser humano e que não está sendo observada na intolerância com algumas pessoas, principalmente àqueles que possuem maior necessidade de auxílio.
          Sabendo disso, deveriam haver programas com o intuito de valorizar o amparo na infraestrutura, na inserção desses grupos na sociedade e em sua vivência na comunidade. Conforme abordada as sugestões, o órgão responsável por colocá-las em prática deveria ser o governo, que é responsável por toda infraestrutura básica pública, além de que o Ministério da Educação poderia adotar medidas que mostrassem às crianças que intolerância é algo do passado, que deve ser superada e todos devem ser tratados da mesma forma, não importando nenhum tipo de prejulgamento.