Lixo e cidadania: “Pensar globalmente, agir localmente”.

Envie sua redação para correção
    Em 2010 foi sancionada a lei da Política de Resíduos Sólidos,com o objetivo de redução de resíduos e rejetos.Entretanto,hodiernamente, no Brasil o lixo vem sendo um impasse ao meio ambiente ,por meio de uma sintonia de problemas:o sistema de produção e consumo bem como os impactos ambientais.Logo,medidas são necessárias para tornar o país mais sustentável.
      Convém ressaltar,a princípio,em 1920 os donos dos meios de produção decidiram reduzir a vida útil dos produtos.Com isso,a obsolescência programada impulsionou o consumismo simultaneamente a produção de dejetos desde a fabricação até o pós consumo.Pode-se mencionar,por exemplo,conforme o G1 um brasileiro produz em média um quilograma de lixo por dia.Dessa forma,não é possível manter um sistema de crescimento perpétuo em um país com recursos finitos.
      Ainda por esse viés,vale destacar o pensamento do físico Isaac Newton,o qual diz que toda ação tem uma reação.Nesse sentido, pode-se salientar  as causas antrópicas,como a produção e o descarte inadequado de lixos eletrônicos,plásticos e industriais.Já as consequências,incluem segundo o Ministério do Meio Ambiente ,a poluição de solos e rios por toxinas de restos eletrônicos e as enchentes sendo os plásticos e os detritos industriais os maiores responsáveis.Desse modo,há imprescindibilidade da conscientização da sociedade.
      Diante do exposto,fica evidente,portanto a necessidade de medidas concretas para reduzir a produção de resíduo.O governo,por meio da mídia deve promover propagandas educativas sobre o impacto ambiental gerado pelo lixo,a fim de reduzir a produção,cabendo ao indivíduo a reflexão no ato da compra.Além disso,o uso de tecnologias é uma opção para controlar a gestão de dejetos realizados pelas empresas.Por fim,as empresas de coletas podem incentivar,com o diálogo,a diminuição do uso de plásticos e o descarte de restos eletrônicos adequadamente,com fito de reduzir os impactos ambientais.Assim,aproximar-se-á da redução do lixo.