Envie sua redação para correção
    (Prezado corretor, o senhor(a) poderia corrigir essa redação, nos moldes dos concursos, sobre o tema: a eficiência e o alcance de campanhas que visam sensibilizar a população quanto ao lixo? Peço perdão pelo contato e pelo incômodo, esse tema não está no site e necessito muito da correção! Obrigado)
                                A união de Chaplin, Marshall e Maquiavel na eficiência social
       Os filmes de Charles Chaplin, produzidos no período da Revolução Industrial, puderam conscientizar os operários a respeito da exploração que eles sofriam - o que possibilitou sua mobilização em movimentos sociais. Em analogia a isso, é imprescindível o papel das campanhas de conscientização, visto seu potencial de impactar a sociedade, e promover, assim como o cinema, uma mudança de atitude referentes à problemática do lixo - seja pela eficiência na reflexão dos consumidores, seja para evitar que as próximas gerações se corrompam pela prática da poluição.
       Exordialmente, as civilizações atuais inserem-se em um mercado que incentiva o consumo exacerbado - tendo, por consequência, a produção de degetos alta. Nesse viés, o depósito errôneo de lixo provoca impactos ambientais como a produção de chorume, que contamina o lençol freático; o entupimento de canais de esgoto, fato causador de enxentes; e a disseminação de doenças, a exemplo da dengue. Desse modo, é fundamental a conscientização dos consumidores, com "outdoors" nas ruas e propagandas nas redes sociais, para que haja a promoção do conceito do sociólogo Thomas Marshall, o qual "a cidadania é a garantia de direitos", pois o direito à preservação ambiental deve ser efetivado. 
        Em segundo lugar, garantir a educação e o respeito com a natureza às gerações futuras é uma maneira de prevenir o descarte inapropriado de lixos. Nesse pretexto, a tese de Maquiavel, que se refere ao meio de inserção do indivíduo como fator determinante em suas ações, exemplifica essa situação - pois, caso haja campanhas de resíduos nas escolas, local de vivência social, haverá uma conscientização futura. Dessa maneira, promover o ensino da coleta seletiva, informar sobre os impactos desses resíduos na natureza e manifestar repúdio ao consumismo exacerbado são meios de inserir as crianças e adolescentes em um espaço que valorize a consciência no descarte. 
       Infere-se, portanto, que a conscientização populacional é imprescindível a uma urbanização menos impactada pelo lixo. Assim, provocar a reflexão dos consumidores e direcionar o comportamento dos alunos é fundamental para reduzir a poluição por degetos. Em síntese, a união das manifestações de Chaplin, Marshall e Maquiavel, aplicadas nas campanhas conscientizantes, podem favorecer as sociedades e efetivar o bem-estar em seu convívio.