Lixo e cidadania: “Pensar globalmente, agir localmente”.

Envie sua redação para correção
    Pragmatismo - Corrente de ideias que prega que a validade de uma doutrina é determinada pelo seu bom êxito prático - Ou seja, atos e ideias só são verdadeiras se servirem para a solução imediata de problemas.Logo, a logística reversa do lixo só se tornará realidade se ações efetivas no âmbito governamental e cidadão forem rapidamente adotadas, ao contrário, será inviabilizada a existência humana, fato o qual eleva a diminuição da produção de lixo um dos maiores desafios para os brasileiros. 
      Com efeito, embora exista a Política Nacional dos Resíduos Sólidos (PNRS), cujo regulamento destaca minimizar o descarte desses produtos a partir da responsabilidade compartilhada entre consumidores e empresas, principalmente, ainda não é respeitado.Isso acontece porque há ausência de uma eficaz fiscalização sobre empresas nacionais, que não impõem o sistema de economia circular que tem por função, utilizar recursos renováveis, uso de materiais biológicos e aumentar a vida útil do produto, com intuito de evitar o acúmulo e uso de produtos descartáveis.
       Também merece destaque nesse cenário uma cultura de passividade e indiferença de uma parcela da sociedade em relação à coleta seletiva e substituição de descartáveis por reutilizáveis.Segundo a ativista ambiental Lauren Singer que não produz lixo há 3 anos, diz em seu blog: "lixo é para idiotas".Dessa forma, maneiras como fazer seus próprios cosméticos, a fim de evitar embalagens, uso de guardanapos de pano e a presença de uma composteira doméstica em casa, são exemplos de práticas sustentáveis.Nesse sentido,a famosa politica dos 5Rs (reciclar, reutilizar,revolução, reduzir e responsabilidade) visando uma consciência ambiental mais ampla, não for uma prática entre a população, será como ter o conceito sem o conteúdo da ação, e logo, se tornará inútil, como é mencionado na obra "Crítica da razão pura" de Immanuel Kant. 
      Desse modo, é necessário que o Governo Federal, com o conveniente auxílio do Ministério Público, intensifique a cobrança e a fiscalização sobre as empresas nacionais negligentes com os produtos fabricados, e sua forma de descarte, para que obedeça, de fato, suas obrigações com a PNRS, estabelecendo-se prazos rigorosos para a adequação às condições ideias sob pena de cortar recursos federais de verbas, em caso de descumprimento nesse tocante. Além disso, cabe a algumas instituições formadoras de opiniões como núcleos familiares, os ambientes escolares ou a imprensa totalmente engajada, a fim de promover com diálogos, palestras sustentáveis e incentivo ao uso de produtos recicláveis e suas melhorias do dia a dia.Dessa forma, a corrente filosófica do pragmatismo será uma doutrina no Brasil.