O abuso de álcool na sociedade brasileira

Envie sua redação para correção
    Dependência. Perda de controle. Violência. Entre os vários fatores relacionados ao abuso de álcool no Brasil, o mais preocupante tornou - se a questão da saúde pública. Sobre isso, é fato que que a bebida alcoólica é tida como uma das mais consumidas nacionalmente. Entretanto, seus riscos tornaram - se um problema a ser enfrentado de forma mais organizado pela sociedade. Nesse sentido, convém analisar os fatores que contribuem para essa problemática.
             Em primeira análise, cabe ressaltar a ligação entre o álcool e os danos a saúde humana. Em vista disso, a Organização Mundial de Saúde (OMS), em uma de suas publicações, divulgou que cerca de 3 milhões de pessoas morrem a cada ano em decorrência do consumo abusivo de bebidas alcoólicas. Sobre essa ótica, problemas como cirrose hepática, câncer de fígado e distúrbios mentais, são os maiores vilões na vida dos indivíduos que possuem dependência de álcool. Como consequência disso, a expectativa de vida diminui e os hospitais ficam sem estruturas ( macas e equipamentos diversos ) para cuidarem da enorme demanda de pessoas com problemas de saúde causados pelo álcool. Dessa forma, evidencia - se a importância da prática da regulamentação como forma de combate a problemática.
             Em segunda análise, é possível destacar a influência negativa da bebida alcoólica na vida dos indivíduos que a consomem. É muito comum ver em noticiários, televisivos ou sociais, notícias como: " marido bêbado espanca mulher até a morte ", ou ainda, " homem embriagado causa grave acidente de trânsito ". Essas afirmações mostram como o abuso de álcool tem impactado a vida dos cidadãos brasileiros. Do contrário, caso houvesse um consumo equilibrado de álcool por pessoa no Brasil, poderia - se esperar um panorama diferente do anunciado pela OMS, o mesmo só será possível a partir do momento em que ações forem implementadas para regulamentação desse cenário.
                Fica claro, portanto, que para amenizar as consequências do abuso de álcool, ações precisam ser postas em prática. Com objetivo de diminuir o consumo de bebida alcoólica por pessoa, o Ministério da Saúde em parceria com o Poder Legislativo, deve implantar um projeto de lei que regulamente a quantidade máxima de litros de álcool que podem ser comprados por indivíduo no Brasil, com auxílio de profissionais da área de saúde, com o dever de estipular um número que garanta que o álcool não deixe de ser consumido, porém seja consumido com segurança. Ação que feita no presente, poderá garantir um futuro com melhores expectativas de vida para a população.