O abuso de álcool na sociedade brasileira

Envie sua redação para correção
    As bebidas alcoólicas eram utilizadas somente em ocasiões comemorativas e especiais, depois tornaram-se corriqueiras e já fazem parte da refeição do povo brasileiro. É possível afirmar que quando consumido em excesso, o álcool é visto como um problema de saúde, já que esse excesso pode estar ligado não somente aos acidentes de trânsito como também ao alcoolismo. 
          Primeiramente, o álcool, assim como o crack e a cocaína, é uma substância psicoativa que altera a função cerebral e temporariamente muda a percepção, o humor, o comportamento e a consciência. Nessas condições, o motorista está inapto para dirigir e mesmo assim ainda há pessoas que dirigem alcoolizadas como indica a Pesquisa Álcool e Saúde dos Brasileiros mostra que 13% das mortes no trânsito envolvem o consumo de bebidas alcoólicas. Portanto, o consumo imprudente perturba  a ordem pública.
          Além disso, na perspectiva da Organização Mundial da Saúde não existe um consumo seguro, pois a longo prazo ocasiona a dependência, o alcoolismo. Nessa situação é extramente necessário o apoio familiar e da sociedade. Infelizmente, nesse quesito a sociedade brasileira ainda é imatura, como pode se observar no caso da dependência química do ator Fábio Assunção que gerou diversas críticas e piadinhas na redes sociais. Portanto, é necessário que as pessoas enxerguem o alcoolismo, de fato, como uma doença.
          Diante do exposto, cabe ao Ministério da Saúde em parceria com as Mídias Sociais realizar campanhas por meio de debates e palestras gratuitas nas escolas e faculdades com a presença de médicos,  psicólogos, pesquisadores, jornalistas, a fim de que os cidadãos não só compreendam os malefícios do álcool no corpo humano e como isso afeta a sociedade mas também desconstruam o pensamento preconceituoso a respeitos dos alcoólatras evidenciando a importância de um consumo moderado e prestem a devida assistência.
    
     centros especializados para a sua recuperação 
    A melhor forma de combater esse problema , é prevenindo