O abuso de álcool na sociedade brasileira

Envie sua redação para correção
    O álcool é uma função oxigenada que possui hidroxilas ligadas a carbono, sendo ele, em dados momentos, benéfico para a sociedade por seu uso na produção de combustíveis, produtos farmacêuticos, bebidas alcoólicas. Entretanto, quando consumida exageradamente nas bebidas, essa substância é um grave problema nacional, uma vez que ela compromete a vida dos seus consumidores.
       A priori, o exagero no consumo alcoólico é um dos principais causadores de mortes no Brasil. Segundo o Ministério da Saúde, "1,45% do total de mortes entre 2000 e 2017 são atribuídos a ingestão excessiva de álcool". Isso ocorre devido a falta de consciência dos usuários desse liquído, que não pensam, primeiramente, na sua saúde e bebem desmoderadamente.
           Outrossim, uma grande parte de morte nos acidentes automobilístos são causados pelo exagero do uso do álcool nos liquídos bebidos. De acordo com o relatório da Polícia Rodoviária Federal, "nos quatros primeiros meses de 2018, apenas em rodovias federais, mais de 300 mortes em acidentes provocados por condutores que haviam ingerido bebida alcoólica". Visto isso a prudência no consumo dela é essencial, pois, dessa forma, será possível precaver, ainda mais, os indivíduos de tragédias no trânsito. 
            Portanto, o governo brasileiro poderia, por meio das suas verbas públicas, aumentar, feitos os devidos estudos socioeconômicos, o investimento em frotas rodoviárias, para que elas fiquem posicionadas em locais onde existem muito fluxo de automóveis, como rodovias de acesso interestadual. Dessa forma, será exequível erradicar gradativamente esse problema nacional por meio do controle fiscalizatórios da polícia. Além disso, evitar o risco de vida do povo e dos alcoólicos.